Shinobido: Way of the Ninja

PS2
Data de lançamento: 5 Julho 2006
Programador: Spike
Editor: SCEE

Descrição geral

Sobreviver nas sombras requer capacidade de disfarce e perspicácia

Passado no Japão do século XVI, Shinobido concentra-se na outrora pacífica província de Utakata, que agora se encontra em estado de desespero. Os ninjas Asuka que eram a garantia de segurança da região foram mortos e, sem a sua influência, os inimigos de Utakata estão a começar a ganhar terreno. A guerra parece inevitável.

Sendo tu o último sobrevivente dos ninjas Asuka vais ter que te encher de coragem e enfrentar um novo caminho. Perturbado por uma perda de memória, os eventos que trouxeram a destruição do teu clã, estão envoltos em mistério. Mas agora estás em posição de colocar uns contra os outros os Senhores da Guerra que aspiram ao poder para realizares a vingança e dares forma a um novo destino para aquela terra.

  • Usa o disfarce e a agressão para derrotares os teus inimigos
  • Combina o teu equipamento para formares mais de 150 armas e objectos
  • Cria mapas e missões e transfere-os para Shinobido: Tales of the Ninja na tua PSP (PlayStation Portable)

Antevisão

Shinobido: Way of the Ninja

Transforma-te num especialista em ninjutsu ao desvendares a verdade no jogo histórico da Acquire.

Shinobido: Way of the Ninja é um conto do Japão do séc. XVI e do derrotado clã ninja Asuka. Ambientado na província de Utakata, que estivera a salvo de qualquer ameaça graças à protecção dos conhecidos ninjas, esta terra, outrora pacífica, está agora sob a ameaça das maquinações de vários senhores da guerra.

Como o único sobrevivente do violento massacre ao teu clã, és apanhado entre várias espadas e paredes. A situação agrava-se por uma perda de memória, provocada por magia negra na noite fatídica do assassínio da tua família.

Pior ainda: a tua perda de memória está directamente relacionada com uma tentativa falhada de roubar a tua alma, agora fragmentada em oito pedaços, que se encontram 'perdidos'.

Guiado por um misterioso benfeitor, que comunica contigo através de cartas, consegues recuperar o primeiro fragmento na Cidadela do Senhor da Guerra Ichijo. Um homem que diz ter sido teu amigo e senhor!

Liberdade de escolha

Shinobido oferece-te inúmeras opções e o caminho que escolheres está inteiramente sob o teu controlo. Ichijo é apenas um dos Senhores da Guerra, em luta pelos teus talentos, juntamente com Akame e Sadame e todos prometem não só riquezas, mas também ajuda para recuperares a tua memória.

São estes Senhores da Guerra que ameaçam Utakata e encontras-te sobre a ténue fronteira entre neutralizá-los e descobrir o teu passado.

Aceitar as missões, nas quais os teus talentos nocturnos são postos à prova, é a melhor forma de ganhares a confiança dos Senhores da Guerra, enquanto que a oferta de presentes é outra forma de ganhares a sua simpatia. Quanto mais confiarem em ti, mais informações te darão acerca do paradeiro dos fragmentos da tua alma.

Mas esta situação é uma faca de dois gumes, pois, frequentemente, ao agradares um Senhor da Guerra, tens de sabotar os esquemas de outro. Se não tiveres cuidado, poderás encontrar-te sem amigos no meio de uma caça ao ninja.

A luz não é tua amiga

ninjutsu subst., a técnica de espionagem tradicional japonesa, caracterizada por movimentos furtivos e camuflagem. Fonte: Oxford English Dictionary.

Shinobido capta a essência do ninjutsu. A jogabilidade está bastante enraizada na tua capacidade de evitares a detecção e na eliminação furtiva dos teus inimigos. As batalhas cara a cara raramente dão bom resultado mesmo quando se trata apenas de um contra um, muitas vezes acabando numa grande chacina quando os adversários pedem reforços.

Felizmente, as ruas e os telhados sob a escuridão da noite no Japão do séc. XVI proporcionam o esconderijo perfeito para passares despercebido aos olhos mais atentos. A IA dos guardas e dos aldeões está bem implementada - um ruído estranho ou um breve olhar é o suficiente para provocar a sua curiosidade e, se fores descoberto, lançam imediatamente o alerta aos restantes companheiros. Os guardas até reagem à descoberta dos corpos dos seus companheiros, começando imediatamente uma busca da área.

Tal diligência pode ser utilizada a teu favor, encaminhando o alvo para um determinado local, utilizando shuriken, ou estimulada, atirando os cadáveres para poços ou deixando-os em becos escuros.

Uma lâmina silenciosa no jardim

Tens à tua disposição um bom arsenal de armas, do qual se destaca a espada, que trará um fim rápido à maior parte das tuas vítimas.

Juntamente com o conjunto ninja habitual de shuriken e bombas de fumo, estão disponíveis dispositivos e armas mais exóticos, tais como arroz envenenado, poções e arpões. O último é totalmente indispensável, pois com ele podes 'saltar' facilmente para telhados e parapeitos mais altos, normalmente fora do teu alcance mesmo com as tuas formidáveis habilidades acrobáticas.

Um toque simpático é o teu esconderijo, a partir do qual podes aceitar missões, manter-te actualizado acerca da situação política, comprar novos equipamentos, tratar do jardim...

Este não é um lado mais suave da tua natureza, ou seja, não és um assassino à noite e um jardineiro de boas maneiras de dia: trata-se sim de um campo de treino, que podes personalizar de acordo com as tuas preferências. Uma ferramenta prática, pois quando a situação se complicar, terás de defender o teu refúgio contra todos os ataques.

A velha e a nova guarda

Shinobido foi acabado na perfeição com a inclusão de um editor de níveis, que te permite criar as tuas próprias missões, de assassinatos a raptos. Podes designar alvos e, melhor que tudo, podes criar mapas de exploração do zero.

E as novas funcionalidades também não estão limitadas à PlayStation 2, uma vez que Shinobido: Way of the Ninja é compatível com o seu sobrinho mais novo, Shinobido: Tales of the Ninja, que vai chegar à PSP (PlayStation Portable) mais para o fim do ano.

Para obteres mais informações, visita furtivamente o site oficial em www.shinobido-game.com


Partilhar

Google+