Forbidden Siren 2

PS2
Data de lançamento: 28 Junho 2006
Programador: SCEI
Editor: SCEE

Descrição geral

Da ilha da escuridão, uma sirene chama...

  • Experimenta o verdadeiro medo na remota ilha de 'Yamijima' com o desenrolar desta misteriosa e arrepiante aventura


  • Uma assustadora e aterradora mistura de sobrevivência e acção, onde as personagens podem olhar através dos olhos de outros com a habilidade 'Sight-Jack'


  • As novas funções de ajuda e tutoriais inéditos facilitam o mergulho do jogador neste pesadelo


Antevisão

Forbidden Siren 2

O jogo mais assustador para PlayStation 2 acaba de ganhar uma sequela. Não esperem que saiamos de trás do sofá nos próximos tempos...

O género de terror de sobrevivência tem conseguido um enorme sucesso na PlayStation 2, com as séries Resident Evil e Silent Hill entre as mais populares no sistema. No entanto, em 2004, estes jogos foram derrubados do seu pedestal com a chegada de Forbidden Siren. Genuinamente, uma das mais assustadoras experiências de jogos de sempre, Forbidden Siren inspirou-se no estilo de terror japonês lento e psicológico exemplificado por filmes como The Ring - O Anel e The Grudge - A Maldição. Agora, está na hora de Forbidden Siren 2 começar onde o seu antecessor terminou e destruir os nervos que ainda nos restam. E ainda estávamos a recuperar...

Ambientado na ilha de Yamijima, Forbidden Siren 2 começa com um violento naufrágio e o grupo de personagens a darem à costa numa ilha. No entanto, desconhecem que 29 anos antes todos os habitantes da ilha desapareceram misteriosamente num corte de energia, regressando como Shibito, os mortos-vivos.

Sightjack do teu corpo

Durante o jogo, jogas na pele de diferentes personagens em cada um dos vários níveis, cada uma com as suas habilidades e fraquezas próprias. Felizmente, a única coisa que liga todas as personagens com que jogas no Forbidden Siren 2 é que todas têm à sua disposição a Sightjack. Para os menos conhecedores, esclarecemos que a capacidade Sightjack permite ao jogador ver através dos olhos de qualquer ser animado nas suas imediações. Prime L2 e, imediatamente, é apresentado um ecrã inteiro estático. No entanto, ao rodares lentamente o manípulo analógico esquerdo, podes "sintonizar" o ponto de vista de qualquer inimigo ou aliado que se encontre perto de ti. Este é o cartão de visita de Forbidden Siren e funciona extremamente bem. Durante a maior parte do tempo vais controlar personagens que são, fisicamente, fracas e embora possas combater os zombies até à sua submissão, isso é extremamente difícil e, provavelmente, acabas morto. Forbidden Siren 2 é mais um jogo de acção furtiva, que a inclusão da mecânica da Sightjack torna muito mais interessante.

O terror...

Ao observares o mundo através dos olhos dos teus inimigos, podes controlar os seus padrões de patrulha e fazer a tua jogada no momento mais oportuno. Localizar os zombies aos quais estás a aplicar a Sightjack é um dos principais desafios do jogo e aumenta realmente a tensão uma vez que a 'reacção da força' faz com que o teu comando estremeça sistematicamente quanto mais próximo estás de um inimigo.

Num nível em particular, controlas uma personagem com visão parcial no modo de primeira pessoa. Visto pelos olhos desta personagem, tudo é tão desfocado que é quase impossível sair pela porta da casa em que começaste o nível. Mas podes aplicar a Sightjack ao cão guia desta personagem e mover-te enquanto o cão te segue de perto. Assim, vais aplicar a Sightjack aos zombies do nível, antes de voltares a aplicar a Sightjack ao cão para fugires deles. Escusado será dizer que isto é inacreditavelmente tenso e um dos aspectos mais alucinantes que experimentámos num jogo de terror de sobrevivência até hoje.

Afasta-te da luz!

Os Shibito são atraídos pela luz, pelo que para conseguires evitá-los, tens de desligar a tua lanterna. Algo que, compreensivelmente, hesitas em fazer. No entanto, há novos tipos de inimigos, conhecidos como os Yamibito, que são fatalmente vulneráveis à luz. Decidir quando e onde utilizar a lanterna pode representar a diferença entre a vida e a morte e ajuda a criar uma sensação de medo palpável ao fugires pela selva numa escuridão cerrada, sabendo que estás a poucos metros de distância de uma morte particularmente penosa.

Os rostos do medo

Em termos gráficos, o jogo é soberbo. As cenas cortadas são cheias de grão e instáveis, o que realmente contribui para uma sensação de filme de terror japonês do jogo. Os rostos e as animações faciais, em particular, estão extraordinariamente bem conseguidos, imprimindo uma sensação real de medo e emoção nas personagens. O elenco de vozes é competente e os restantes ruídos ambiente também são excelentes, de troncos a partir na selva aos gemidos sangrentos dos Shibito.

Forbidden Siren 2 é um exemplo brilhante de como construir e manter o medo num jogo de terror. Chegará o momento em que vais ter mesmo medo de mover a tua personagem e preferes ver, aparentemente durante horas, o mundo pelos olhos dos teus inimigos. Por mais estranha que pareça é verdadeiramente uma das mais emocionantes experiências de jogo do momento e vale a pena jogar quer sejas um fã dos jogos de terror ou não. Só não jogues sozinho...