Amplitude

PS2
Data de lançamento: 24 Setembro 2003
Programador: Harmonix
Editor: SCEE

Descrição geral

A continuação de um dos mais inovadores jogos de 2002 fez subir o volume e disparou com um assalto audiovisual que não tem comparação

Até mesmo os adeptos da acção de ritmo já acostumados a novos conceitos e ideias ficaram pasmados com a extraordinária mistura de gráficos hipnóticos que quase te põem em transe, os grandes nomes do mundo da música e a acção de jogo de cansar os dedos do Frequency. Contudo, para a Harmonix, seus criadores, não bastava baralhar-nos os cérebros e transformar-nos em FreQs loucos e, como tal, resolveram conceber o Amplitude como uma espécie de aposta para fazer as nossas cabeças explodir completamente. Tal como anteriormente, o objectivo é combinares o teu sentido de ritmo, reflexos e destreza digital para "produzires" faixas individuais a partir de uma quantidade de músicas conhecidas e criares música em movimento. O encadeamento é ainda mais forte que dantes, com aparições de estrelas lendárias como David Bowie, Run DMC e Herbie Hancock, assim como populares bandas como sejam os Garbage, Papa Roach, Weezer e Pink. Talvez o mais importante de tudo seja o facto de que o Amplitude também é compatível com a acção online e, portanto, poderás entreter-te com duelos multi-jogador e sessões de remix com jogadores de todo o mundo. Isto é, verdadeiramente, a Frequência levada a um novo escalão e portanto, baixa as luzes, sobe o volume e prepara-te para mergulhar no mundo da perfeição audiovisual.

Antes de poderes avançar tens que criar de novo um FreQ - a tua identidade virtual no mundo de Amplitude. Contudo, desta vez a criação simplista a duas dimensões foi substituída por um modo de criação de FreQ completamente tridimensional que se assemelha muito aos que são vistos em certos títulos de luta livre. São também completamente animados, pelo que quando trocas de pistas a meio do jogo, o teu FreQ começará a tocar o instrumento que for relevante.

A apresentação única do original também recebeu um tratamento espectacular, desde os novos incríveis ecrãs de selecção de opções e de modo até à nova forma como os níveis foram agora divididos em "mundos" distintos. Cada um dos mundos - Neotropolis, Beat Factory, Metaclouds, Elektro Kore e Blastlands - também apresenta uma pista "líder" que pode ir desde um remix de 2002 ao estilo funky do clássico de Herbie Hancock, "Rockit", até ao pulverizante som metálico de "I Am Hated" dos Slipknot. Os que obtêm melhores pontuações também serão recompensados com mais uma pista de bónus, se acumularem pontos suficientes nas quatro canções anteriores. A ajuda está sempre ali à mão sob a forma de novos reforços de energia coleccionáveis. Para além do regresso do Autoblaster que permite captar faixas instantâneas, podes optar pelo Score Doubler cujo nome é auto-explicativo, fazer loucuras com o Freestyler e captar fases com facilidade graças ao espantoso Slo-Mo.

Deves gostar de saber que o excelente modo para quatro jogadores continua activo se preferires jogar fora da Internet, mas aqueles de entre vós que possuam o poderoso Adaptador de Rede poderão jogar com FreQs de todo o mundo graças às novas opções de jogo em rede. Isto não está limitado ao jogo competitivo pois poderás também colaborar em novas misturas e enviá-las para todos ouvirem. Se não estiveres com disposição para ser cooperativo, o novo modo Duel (Duelo) irá satisfazer o teu desejo de supremacia rítmica. Efectivamente o "Duelling Banjos" que levou uma volta algo futurista permite-te conceber uma faixa e depois desafiares o teu opositor a repeti-la. A seguir as posições invertem-se até resistir apenas um.

Se o Frequency original era um jogo que se podia jogar quase até à eternidade, então o Amplitude acaba de tirar o "quase" a essa frase. Tudo aquilo que adoravas foi marcadamente melhorado e com a adição da possibilidade de jogo online, o único limite para o teu divertimento é o imparável avanço do tempo. E talvez também alguma vida social. Como sempre, a selecção de músicas foi deliberadamente escolhida de modo a agradar a uma vasta gama de gostos e, assim sendo, podes até achar que o jogo te expande os horizontes musicais. Joga-o, experimenta-o - adora-o.

 

  • Modo de criação FreQ melhorado que permite criar imagens em 3D absoluto


  • Opções de jogo em rede verdadeiramente emocionantes


  • Apresenta faixas de David Bowie, Garbage, Papa Roach, Slipknot, Pink e de mais 20 outros artistas


  • Compete com até três outros jogadores numa acção de batalha fora da Internet


  • Modo remix altamente intuitivo e fácil de utilizar


 


Partilhar

Google+