Zone of the Enders: The 2nd Runner

PS2
Data de lançamento: 24 Setembro 2003
Programador: Konami
Editor: Konami

Descrição geral

O novo episódio da Kojima em células sombreadas está a "Mecanizar-se" na PS2, trazendo uma acçao de jogo mais profunda, personagens mais fixes e montes de novos robôs gigantes

Muitos se lembrarao do original da Konami chamado Zone of the Enders, nao tanto pelo jogo em si mas pelo precioso disco de demonstraçao que vinha com a embalagem. Lamentavelmente para o ZOE (olhando em retrospectiva), ele vinha ligado à demonstraçao do Metal Gear Solid 2 - uma manobra que fez com que se tornasse um pouco no primo pobre da obra prima de acçao furtiva de Hideo Kojima. Mas para aqueles que resistiram à tentaçao de fazer comparaçoes desfavoráveis e se mantiveram fiéis aos encantos algo defeituosos do ZOE, este notável jogo de acçao influenciado pelos desenhos animados começou a parecer bastante bom por direito próprio. É verdade que foi criticado por ser demasiado curto e algo repetitivo mas, se olhássemos para lá dessas imperfeiçoes, tratava-se realmente de uma experiência a nao perder. E agora parece que os seus criadores tomaram todas as críticas em consideraçao e conseguiram produzir o jogo que tinham realmente pensado para primeiro lançamento.

Conduzido pelo novo director Shuyo Murata (mas ainda presidido por Hideo Kojima), The 2nd Runner parece maior e mais atractivo em todos os aspectos. Uma das críticas originais que foram feitas ao ZOE - de que sofria de uma certa desproporçao, com um estilo demasiado bom para o enredo - foi devidamente tomada em consideraçao em variados aspectos, o mais notável dos quais é a verdadeira profundidade de jogo que agora se conseguiu. Isto nao quer dizer que os gráficos tenham sido negligenciados pois, pelo contrário, estao mais espantosos que nunca, mas desse aspecto falaremos adiante. Os verdadeiros melhoramentos estao, de facto, na acçao de jogo e esta nova força impulsiona o negócio da batalha espacial totalmente mecanizada para novos níveis impressionantes.

Retomando a história alguns anos mais tarde relativamente ao primeiro episódio, The Second Runner passa o testemunho de Leo, o herói original, para `Dingo', um fulano ex-militar (eu sei, eu sei!) que incorpora a sua identidade gasta pela guerra na entidade Jehuty, um apavorante robô, para uma acçao de justiça inter-galáctica ao estilo do grande robô gigante. Desta vez a acçao baseia-se numa batalha travada entre Marte e a Terra com alguns intrincados desenvolvimentos ao enredo que envolvem jogo duplo e que servem para condimentar muito bem a acçao.

Controlar o robô será facílimo para aqueles que estao familiarizados com o primeiro jogo; os movimentos sao exactamente os mesmos, com subidas e descidas, movimentos de captura e de ataque todos fielmente correctos. Apesar de estes nao terem mudado, a Konami fez muito para aperfeiçoar as funçoes existentes com, por exemplo, a funçao de captura a permitir agora aprisionar múltiplos inimigos. Podes enfrentar um número imenso de opositores em qualquer altura e realizar alguns movimentos assustadores usando os novos ataques combinados configuráveis e os movimentos especiais. A principal coisa com que te deves preocupar é com a adiçao de ataques paralelos e suplementares, com comandos que incluem o Decoy (Isco), que cria múltiplas imagens ilusórias de Jehuty para confundir o inimigo, o Gauntlet (Luva), que inflige danos em duplicado, o Comet (Cometa), que lança um raio de plasma teleguiado e, o comando Geyser (Géiser), que entontece temporariamente o inimigo, entre outros 14 ataques disponíveis. Ah! E podes também agarrar vários acessórios e criar armamento provisório composto pelos edifícios e outros objectos diversos que estao espalhados pelas redondezas. Lindo.

E, evidentemente, tudo isto vem embalado com os gráficos mais espectaculares, uma verdadeira delícia para os olhos que alguma vez poderias esperar encontrar. Misturando uma animaçao ao estilo dos desenhos animados com cenários ultra-pormenorizados e sequências de batalha espectaculares, The 2nd Runner é realmente um objecto de deleite visual que nao se compara a nada que já tenhas visto.

Se és um adepto do ZOE original, sem dúvida que estarias ansiosamente à espera deste segundo episódio e podes ter a certeza de que ele contém tudo o que de bom havia no primeiro e ainda alguns extras fantásticos. Se nunca tinhas jogado o Zone of the Enders antes, entao The 2nd Runner será certamente um jogo para te manter agarrado aos brilhantes e enormes robôs japoneses de uma forma realmente EM GRANDE...

 

  • Enfrenta pela primeira vez múltiplos robôs em batalhas colossais


  • Utiliza os objectos do cenário para criares armas provisórias


  • Uma lista completamente nova de sub-armas de ataque incluindo o Gauntlet (Luva), Geyser (Géiser) e Comet (Cometa)


 


Partilhar

Google+